Paripiranga-BA: prefeito Justino Neto é multado pelo TCM

 

Na sessão desta terça-feira (24/04), o Tribunal de Contas dos Municípios, julgou parcialmente procedente a denúncia contra o prefeito de Paripiranga, Justino das Virgens Neto(PV), por irregularidade na contratação direta de empresa para prestação de serviços de locação de máquina retroescavadeira com operador, ao custo de R$170 mil, no exercício de 2017. O relator, conselheiro substituto Antônio Carlos da Silva, aplicou multa no valor de R$ 3 mil ao gestor pela irregularidade.

A relatoria considerou que os documentos encaminhados não comprovaram a existência de situação de emergência ou de calamidade pública, alegados inicialmente pelo prefeito, não sendo possível assim a utilização da dispensa de licitação. O gestor também não comprovou o porque considerou mais vantajoso a contratação da empresa para locação de máquina pelo valor de R$170 mil, uma vez que, o próprio município já possui esse bem, no valor de R$174.965,00, sendo necessária apenas a contratação do operador.

Resta agora saber se, esse fato que estamos noticiando será divulgado em seu programa de rádio, cujo prefeito é apresentador do programa Manhã Sertaneja, transmitido pelas ondas da emissora Tropical Fm de Simão Dias-SE, município vizinho de Paripiranga. Em seu programa como de costume, o gestor entrevista políticos, volta e meia coloca alguém ao vivo para elogiar sua fracassada gestão e muita das vezes se auto promove e elogia a si mesmo como Salvador da pátria. Deveria ele ser condecorado com uma medalha pelas irregularidades que vem cometendo nos primeiros anos de administração. Todos estarão atentos ao pé do rádio para ouvir a notícia: Eu fui multado… Eu fui multado! Aguardar não custa nada!

Longe de uma gestão de sucesso:

Pelo andar da carruagem, tudo leva a crer que Justino dará de presente o terno para seus adversários muito em breve. Se não mudar o cenário político, ele será apenas mais um prefeito de um mandato só. O gestor e parte de equipe tem demostrado que não sabem e não entendem nada de administração. As situações no município tem sido cada vez mais piores. O fato é que Justino tinha tudo para ser um dos mais respeitados líderes município, “cuspiu nos próprios colegas com discurso antiético e individualista”. Isso foi a gota d’água, além do desgaste por causa das desculpas esfarrapadas.

O problema maior e mais absurdo, é que o prefeito Justino, acha que entende de administração. Ele não gosta de ser criticado, adora elogios, e aí daquele, que fale uma opinião contraria a sua. A palavra chave de sua gestão é a vingança para aqueles que vão de encontro de seus anseios pessoais e políticos. Só que nunca vi a vingança chegar a algum lugar e solucionar os problemas. Ao contrário, na maioria das vezes, quem está se vingando, entra numa espiral viva de escuridão e acaba sendo vítima da sua própria vingança.

Mais a frente irei enumerar algumas graves denuncias que estão por vim e que chegam a todo instante a essa redação.

Da redação, Portal Carlino Souza

Cabe recurso da decisão do TCM.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*