Duplas brasileiras de vôlei de praia vão se enfrentar em semifinal na China

As duplas de jogadores brasileiros formadas por Álvaro Filho e Luciano (PB/ES) e Thiago e George (SC/PB) avançaram à fase semifinal da etapa três estrelas de Haiyang, na China, pelo Circuito Mundial de vôlei de praia. Neste sábado, os dois conjuntos venceram partidas pelas oitavas e quartas de final.
A chave do torneio agora vai colocar os brasileiros para se enfrentarem. O duelo entre as duplas vai acontecer às 23h40 (horário de Brasília) deste sábado, portanto na manhã de domingo no fuso horário dessa cidade chinesa, e horas depois vai ocorrer a final da etapa. Os conjuntos já jogaram um contra o outro por duas vezes no passado, com duas vitórias de Thiago e George.
Thiago, da dupla com George, ataca durante etapa de Haiyang do Circuito Mundial de Vôlei de Praia.
“Foi uma viagem longa para a China e ainda estávamos nos adaptando no início”, disse Thiago. “Sacamos muito bem e conseguimos controlar as partidas para vencer. Nós queremos continuar com esse ritmo e esperamos vencer os próximos compromissos para levar uma medalha aqui na China. Sabemos da dificuldade, da qualidade do adversário, mas vamos buscar um bom resultado”, analisou o bloqueador.
Nas oitavas de final, Thiago e George venceram os eslovenos Zemljak e Pokersnik, por 2 sets a 1 (21/18, 19/21, 16/14), e, horas depois, derrotaram também os australianos McHugh/Schubert, por 2 sets a 1 (21/17, 13/21, 15/9). Já Álvaro Filho e Luciano superaram os norte-americanos Stafford Slick e Casey Patterson, por 2 sets a 0 (21/16, 21/19), nas oitavas, e, mais tarde, pelas quartas, triunfaram sobre os franceses Romain Di Giantommaso e Jeremy Silvestre, por 2 sets a 1 (19/21, 21/19, 15/11).
O evento na China rende US$ 10 mil (cerca de R$ 38 mil) aos campeões e 600 pontos no ranking geral. Ao todo nesta temporada, duplas brasileiras já conquistaram 21 medalhas no Circuito Mundial (oito de ouro, nove de prata e quatro de bronze), somando os conjuntos masculinos e femininos.
Fonte: www.terra.com.br

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*