Justiça apreende passaportes de Ronaldinho Gaúcho e irmão

Foto: Reprodução/Arquivo Pessoal
Foto: Reprodução/Arquivo Pessoal

 

O ex-jogador Ronaldinho Gaúcho e seu irmão Roberto de Assis estão impedidos de sair o Brasil. Isso porque o Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Grande do Sul (TJ-RS) determinou a apreensão do passaporte dos dois devido ao não pagamento de uma dívida por dano ambiental em Porto Alegre.

A condenação é consequência de uma construção ilegal de um trapiche, com plataforma de pesca e atracadouro na orla do Lago Guaíba, em área de preservação permanente. Os irmãos e a empresa Reno Construções e Incorporações iniciaram as obras sem licenciamento ambiental.

A decisão do TJ-RS foi protocolada no último dia 31 de agosto, atendendo ao um pedido do Ministério Público. Autor da sentença, o desembargador Newton Fabrício acusa os réus de terem sido omissos durante o processo, além de terem se recusado a receber as intimações.

bahia.ba